Como a energia solar pode auxiliar o seu agronegócio

Se tem uma tecnologia que pode transformar o agronegócio em um empreendimento mais econômico e rentável é a energia solar.

Gerar a própria eletricidade para abastecer as demandas da produção rural traz inúmeras vantagens, o que inclui mais liberdade de tomada de decisão, além de uma grande economia no pagamento da energia elétrica.

Ainda, a energia solar também é a solução ideal para propriedades rurais que não contam com rede pública de energia, tornando o local mais seguro e também rentável.

Continue a leitura para entender melhor sobre o assunto!

As vantagens da energia solar no agronegócio

Bom, antes de tudo, vamos relembrar como funciona a energia solar. A tecnologia fotovoltaica utiliza painéis solares (módulos fotovoltaicos), que são posicionados de forma estratégica onde há maior incidência de luz solar – um terreno, telhado, laje, etc.

Ao captar a luz solar, os elétrons contidos nas placas se agitam e formam uma corrente elétrica, enquanto um inversor solar – aparelho que faz parte da tecnologia – converte essa corrente na eletricidade convencional que utilizamos.

Basicamente é isso. Mas quais as vantagens para o agronegócio?

Mais economia na conta de luz

A energia solar pode fazer você economizar até 95% na conta de luz, o que significa uma alta economia e menos dependência do fornecimento de energia da distribuidora da região.

Isso também significa a diminuição nos custos com os processos do agronegócio – principalmente na irrigação, que normalmente já consome muita eletricidade por conta do bombeamento de água. 

A Granja Fernandes, por exemplo, investiu na instalação de 560 módulos solares, o que vem gerando uma economia de R$ 14,5 mil por mês, totalizando mais de R$ 170 mil por ano. 

Compartilhamento dos créditos de energia em outros locais

Se o seu agronegócio possui filiais, é possível compartilhar a energia solar gerada por um único sistema com outras unidades, desde que estejam dentro da mesma concessionária da região e tenham o mesmo CNPJ.

Isso também reduz muito os custos, já que você não precisa investir em outros sistemas de energia solar e todas as unidades aproveitam os benefícios econômicos. 

Alcance em lugares remotos

Em zonas rurais afastadas e que não existem sequer postes de iluminação pública, a energia solar é fundamental para levar eletricidade e segurança a esses locais, o que incentiva o empreendedorismo dos pequenos agricultores.

Na prática, é possível instalar o sistema Off Grid, que armazena toda a produção de energia em baterias, tornando a energia solar totalmente independente de outras fontes. 

Energia limpa e renovável

Contar com a energia solar no agronegócio também contribui para uma produção mais sustentável. Afinal, o Sol é uma fonte inesgotável e limpa de energia. Isso também significa deixar de emitir toneladas de gás carbônico na atmosfera. 

Automação no agronegócio

A energia solar também ajuda a levar tecnologia ao agronegócio sem altos custos de eletricidade. 

Um exemplo são os sistemas de automação – como o de monitoramento de dados, o de irrigação automática etc., que tornam o trabalho mais eficiente e produtivo.

Aliás, o próprio sistema fotovoltaico também pode ser monitorado em tempo real. Por meio do seu dispositivo móvel ou navegador no computador, você tem acesso aos dados de produção e consumo de energia, o que facilita a tomada de decisões. 

Manutenção fácil e barata

Com tantas vantagens assim, a manutenção do sistema é cara, certo? Errado! A energia solar demanda pouca manutenção, que consiste, basicamente, na limpeza dos painéis solares e na verificação dos demais componentes. 

Linhas de financiamento específicas

O agronegócio conta com linhas de crédito específicas para o investimento em energia solar. Isso significa alguns benefícios, como taxas de juros melhores e maior carência para pagar. 

Marketing verde

As empresas do setor do agronegócio também precisam contar com a ampla divulgação de seus produtos para o mercado. 

E aliar o marketing à energia solar eleva ainda mais a percepção de valor do seu negócio, pois o consumidor está se tornando cada vez mais consciente sobre as questões ambientais. E ele acaba preferindo consumir produtos de empresas que aplicam práticas sustentáveis. 

As aplicações práticas da energia solar no agronegócio

Na prática, confira alguns exemplos de como a energia solar pode ser utilizada no agronegócio:

  • No sistema de irrigação da plantação;
  • No bombeamento de água para a fazenda e para os animais;
  • Em postes solares de iluminação do entorno;
  • No uso de cerca elétrica para a segurança da fazenda;
  • Nos equipamentos de produção de leite e derivados (resfriamento de tanques e ordenhadeiras elétricas);
  • Em estufas solares para a secagem de madeiras, grãos, demais alimentos e no cultivo de plantas.

E então? Pronto para revolucionar o seu agronegócio? Acesse agora mesmo, gratuitamente, o nosso simulador para saber o quanto você pode economizar em seu empreendimento com a energia solar!